Fratura por projétil de arma de fogo.

Rx pré-operatório

Local de entrada e saída do projetil. Entrada próximo a articulação escápulo-umeral e saída na região do cotovelo.

Abertura do foco de fratura e posicionamento dos fragmentos ósseos.

Redução da fratura com uso de fixador externo. Notar na área de entrada do projetil a área do termonecrose causada na musculatura.

Posicionamento das esquírulas ósseas e fixação com fio de cerclagem.

Finalização da cirurgia.

Rx Pós operatório imediato. Notar que também foi usado um parafuso de compressão para aproximar a esquírula maior.

2 respostas em “Fratura por projétil de arma de fogo.

    • Infelizmente não tenho foto dele depois andando… retiramos o fixador com uma média de 60 dias, mas ele voltou a andar bem depois, ainda claudicava um pouco mas apoiava o membro com firmeza. Obrigado pela visita, depois vou postar outras fotos legais! Mande sugestões de temas também para artigos, tô preparando um sobre displasia para debatermos sobre o assunto.

Deixe uma resposta para Míriam Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s